Projetos

Centro dos Direitos das Populações da Região de Carajás

Arte e Meio Ambiente: estratégia de fortalecimento para jovens rurais no cerrado maranhense

Maranhão

Objetivos e público alvo

Capacitar jovens lideranças de 23 comunidades quilombolas do município de Mata Roma em temáticas agroecológicas para conservação da mata ciliar do riacho Estrela e o desenvolvimento consciente do cerrado maranhense foi o objetivo central da proposta. A ideia era estimular entre os jovens reflexões e leituras de sua própria realidade.

Atividades principais

  • Articular grupos e organizações da região
  • Destacar os impactos na agricultura familiar
  • Estabelecer e ampliar relações com outras organizações nacionais e internacionais no sentido de avançar na normatização e na legislação sobre produtos
  • Produzir e disseminar conhecimentos e informações sobre a exploração e expansão da soja no cerrado maranhense, e também sobre processos e empreendimentos necessários à expansão (biodiesel, guseria, barragens)
  • Promover oficinas

Contexto

A área de atuação do projeto são os cerrados maranhenses, que abrangem municípios da microrregião do Baixo Parnaíba, onde há extração das espécies florestais nativas para expansão projetos de soja, cana de açúcar para a agroindústria e eucalipto para atividades de carvoarias que alimentam as guserias. São regiões de baixo índice de Desenvolvimento Humano e alta concentração populacional no campo – assim, a expansão da monocultura na área agrava a situação de pouco acesso aos direitos sociais, ambientais e econômicos destas populações.

Sobre a organização

O Fórum Carajás nasceu da necessidade de articular organizações, produzir e divulgar material de produção científica, de caráter político e ambiental que subsidiasse sindicatos, movimentos sociais e comunidades sobre os impactos relativos à implantação de projetos e políticas na região, especialmente a expansão na fronteira agrícola.

A organização prioriza ações nas áreas de maior incidência de impactos socioambientais e econômicos: sudeste do Pará; sul e Baixo Parnaíba do Maranhão, além da zona costeira no Estado; norte de Tocantins (Bico do Papagaio) e sul do Piauí. O trabalho consiste em estimular a criação de novas estruturas organizativas que culminem no aprimoramento dos processos de fiscalização e monitoramento, envolvendo diversos setores sociais.

Parcerias

Associação de Proteção e Meio Ambiente de Mata Roma
Associação do Bumba Meu Boi
Escola Municipal de Sucesso
Sindicato e Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais

Resultados

Atividades como reunião de planejamento, oficinas de arte, meio ambiente, sistemas florestais, cuidados com os quintais e beneficiamento de produtos naturais, além de mutirão para implantação de viveiro, resultaram em uma feira de economia solidária, com entrega de certificados aos participantes e exposição de produtos. As famílias participantes reproduziram um total de 2.200 mudas de espécies do cerrado, replantaram quintais e a mata ciliar do riacho Estrela e do rio Preto. As atividades permitiram uma maior articulação das comunidades em torno de seus direitos coletivos.

Linha de Apoio

Edital Anual

Ano

2009

Valor doado

R$ 24.794,00

Duração

10 meses

Temática principal

Direito à terra

Ajude a transformar o país!
Colabore com nosso trabalho!

DOE AGORA

Projetos

Conheça os projetos apoiados pelo Fundo Brasil

Saiba mais